PolíciaSanto Antônio de Jesus

Após protesto em Santo Antônio de Jesus, vice-prefeito apresenta previsão para pagamento de auxilio de motoristas

Motoristas do transporte escolar, em Santo Antônio de Jesus, no Recôncavo baiano, fizeram um protesto na manhã desta terça-feira, dia 27, em frente a Prefeitura Municipal, cobrando celeridade no pagamento do auxilio e pedindo a dispensa do alvará. Segundo a categoria, na gestão passada foram pagos 6 parcelas de R$ 300 reais aos trabalhadores do transporte escolar, enquanto na gestão atual foi aprovada na Câmara Municipal, por indicação do vereador Luciano Cuiuba, e sancionado pelo prefeito, o pagamento de 3 parcelas de R$ 330,00, no entanto, até o presente momento o município não pagou nenhuma parcela.

Representando o poder executivo, o vice-prefeito Luís Careca ouviu a categoria e se prontificou em esclarecer todas as dúvidas, intermediando a comunicação entre a Prefeitura Municipal e os motoristas. Segundo Careca, o auxilio ainda não foi pago porque a Controladoria do Município entendeu ser melhor alterar um artigo da lei que poderia comprometer a gestão. “A alteração já havia sido realizada e será votada na próxima sexta-feira feira (30), na Câmara de Vereadores e, os pagamentos serão liberados muito provavelmente até a próxima terça-feira”, explicou o vice-prefeito.

Outra reclamação dos motoristas do transporte escolar é sobre a cobrança do alvará do ano passado, uma vez que a categoria já estava parada. Sobre à dispensa do pagamento do alvará, Careca disse que o município não poderá realizar de forma retroativa, já que a emissão do ano de 2020 já havia sido enviada para o Tribunal de Contas pela gestão anterior. Mas buscando amenizar a situação, será aplicado um desconto de multas e juros através do REFIS, e o Alvará de 2021, que teria isenção parcial, passa a ser completamente isento para a categoria.

Fonte: Tribuna do Recôncavo

Vamos produzir seu Jingle Político?
Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo