Economia

Presidente do SINTRACONSAJ fala sobre o trabalho do Sindicato durante a pandemia

O setor da construção civil mostrou um leve crescimento na capital baiana, assim como em outros locais do país. Sobre a situação em Santo Antônio de Jesus, o presidente do Sindicato da Construção Civil da cidade (SINTRACONSAJ), Valdemir Souza afirmou que isso não se reflete no interior. “Aqui em SAJ, infelizmente essa realidade não condiz”, destacou, acrescentando que o setor não deu nenhum sinal de recuperação na Capital do Recôncavo Baiano.

Segundo Valdemir, há empresas otimistas, mas tbm reclamando por conta da linha de crédito que ainda não existe e isso está refletindo no município.

Orientação durante a pandemia

“A construção civil continuou trabalhando mesmo na pandemia, nossa preocupação era que as empresas cumprissem os decretos, então continuamos fiscalizando e distribuindo álcool gel e máscaras para os trabalhadores filiados aos sindicatos”, disse ele.

O presidente do SINTRACONSAJ pontuou que há muita preocupação com a saúde do trabalhador, para que não se contamine e não dissemine o vírus.

Contribuição sindical

Com relação ao financiamento sindical, ele explica que há na região uma das melhores convenções de trabalho coletiva da Bahia, onde o trabalhador tem aviso prévio indenizado, o que é raro em algumas categorias, além de outros benefícios. “É importante que o trabalhador esteja atento a isso, pois o sindicato luta para essas melhorias de trabalho. Cabe aos trabalhadores tenham essa consciência para ajudar o Sindicato, para que esse de mantenha assistido”, explanou.

Direitos dos trabalhadores da Construção Civil

“Em todos os canteiros de obras em que chegamos, através de perguntas aos trabalhadores, ficamos cientes das questões contratuais”, explicou, acrescentando que quando a empresa não cumpre com o seu dever, o jurídico entra em ação para garantir os direitos dos trabalhadores.

De acordo com ele, atualmente só o Sindicato faz a fiscalização presencial para garantir a convenção coletiva de trabalho. “Não existe mais fiscalização de órgãos regulamentadores, os trabalhadores tem que fazer uma denúncia virtual pra ver quando vai acontecer uma audiência e tudo dificulta para os trabalhadores”, apontou.

Para Valdemir, as pessoas que dizem que o Sindicato só atrapalha o trabalho é pq gostam de sonegar impostos, já que o sindicato denuncia os abusos dentro do canteiro de obras e indústria. “Essas pessoas gostam de se aproveitar os trabalhadores e quando o sindicato entra em ação não é bem visto, mas independente disso, tem que ser feito atuação na base e denunciar os abusos”, finalizou.

Redação: Gigante da Notícia / Reportagem: Recôncavo FM

Vamos produzir seu Jingle Político?
Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo