Polícia

Lázaro Barbosa tomba em confronto com polícia em Goiás

Após 20 dias de buscas, Lázaro Barbosa de Sousa, 32 anos, suspeito de matar uma família no Distrito Federal e de outros crimes também em Goiás, foi morto na manhã de hoje Cocalzinho (GO).

A morte foi confirmada pelo diretor da Abin (Agência Brasileira de Inteligência), Alexandre Ramagem. Segundo o órgão, Lázaro teria resistido à prisão e entrado em confronto com agentes de segurança.

Mas cedo, o governador de Goiás, Ronaldo Caiado (DEM) deu a notícia da prisão de Lázaro, ainda sem confirmar a morte, em um vídeo postado nas redes sociais.

Uol

Vamos produzir seu Jingle Político?
Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo