Polícia

Sargento da PM é morto dentro de casa em Tucano; crime foi encomendado

O sargento da Polícia Militar Pedro Xisto Oliveira de Souza, de 55 anos, foi encontrado morto no fim da tarde de sábado, dia 8, no banheiro da residência onde morava, em Caldas do Jorro, no município de Tucano (BA), no território do sisal. O militar, que estava na reserva, foi atingido por 9 disparos da arma que pertencia a ele.

As Polícias Militar e Civil de Euclides da Cunha conseguiram desvendar o crime ainda no local, após ouvir a filha do militar de 15 anos e o namorado dela, de 18. Alegando que o sargento era contra o relacionamento da filha com o jovem, ambos pagaram R$ 600 reais a uma pessoa para matar o sargento.

Os dois foram levados para Euclides da Cunha, distante 60 km da Caldas do Jorro. As investigações prosseguem com a finalidade de identificar e prender o assassino.

Redação: Tribuna do Recôncavo | Informações: calilanoticias

Vamos produzir seu Jingle Político?
Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo