Eleições 2020Política

Paulo Vilela sobre Humberto Leite: “Se quiser sair do grupo (Beija-flor), que saia pela porta da frente”

Parece que a política de Santo Antônio de Jesus já começou a pegar fogo. O Gigante da Notícia encontrou Paulo Vilela, um dos integrantes do Grupo Beija-flor na cidade, na Rua dos Correios, na manhã deste sábado (05) e conversou com ele sobre o atual cenário político da cidade.

Demonstrando grande fidelidade ao grupo político ao qual se encontra, Paulo afirmou que uma parte do Beija-Flor estava no lançamento da pré-candidatura de Genival Deolino e Careca, dando todo apoio, mas a outra parte, a qual o ex-prefeito Humberto Leite está integrado não participou.

“Tem pessoas do bem que respeitam ele e nós respeitávamos Humberto Leite, mas ele tem que respeitar a bandeira do Beija-Flor. Se ele quer se retirar do grupo (Beija-flor), que saia pela porta da frente, é um direito dele, mas não pode pegar a bandeira e fazer o que fez”, explanou.

O entrevistado destacou que Humberto Leite é uma liderança política a cidade, mas tem que aprender a respeitar a bandeira do grupo, assim como foi respeitado por todos. Para ele, o ex-prefeito tem que decidir se quer assumir mesmo essa liderança respeitando os demais, por que “o Beija-flor não se resume somente em Humberto Leite, mas sim no povo de Santo Antônio de Jesus”, pontuou.

De acordo com Vilela, Genival Deolino garantiu que não era homem de barganha e foi isso que possibilitou o apoio de metade do grupo Beija-flor ao mesmo. “Estamos aguardando para ver se ele é ou não. Bolsonaro explica a nós e mostra que no Brasil a política tem que ter liberdade de ação. O povo não vai aceitar barganha em Santo Antônio de Jesus”, completou.

Gigante da Notícia

Vamos produzir seu Jingle Político?
Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo