Polícia

Casa onde vivia o suspeito de matar garoto com golpes de foice em Feira de Santana é incendiada

A casa onde vivia o suspeito de assassinar o garoto Kaique Soares Queiroz, 11, a golpes de foice em Feira de Santana foi incendiada dias após a morte do garoto. Segundo informações da Tv Bahia, o incêndio foi causado por um grupo de pessoas e não havia ninguém no imóvel.

Adriano Sales da Silva, principal suspeito de ter golpeado o garoto, vivia com a família no distrito de Maria Quitéria, na localidade de Água Grande. Na hora do incêndio não havia ninguém em casa.

Kaique foi brutalmente assassinado na quarta-feira (21). No dia seguinte, Adriano foi encontrado morto em Pernambués, bairro de Salvador.

Kaique havia saído de casa para procurar cabras da família com um celular e R$ 300 na carteira e foi encontrado morto horas depois. Através do rastreamento do aparelho, a Polícia chegou até Adriano, mas já o encontrou baleado e sem vida na Travessa Rússia, em Pernambués.

Varela Notícias

Vamos produzir seu Jingle Político?
Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo